Mesa
Vicio De Ti

Amigos como sempre dúvidas daqui pra frente
sobre os seus propósitos
é difícil não questionar.
Canto do telhado para toda a gente ouvir
os gatos dos vizinhos gostam de assistir.

Enquanto a musica não me acalmar
não vou descer, não vou enfrentar
o meu vício de ti não vai passar
e não percebo porque não esmorece
ao que parece o meu corpo não se esquece.

Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti

Levei-te à cidade, mostrei-te ruas e pontes
sem receios atrai-te as minhas fontes
por inspiração passamos onde mais ninguém passou
ali algures algo entre nós se revelou.

Enquanto a música não me acalmar
não vou descer, não vou enfrentar
o meu vício de ti não vai passar
e não percebo porque não esmorece
será melhor deixar andar?

Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti

Eu canto a sós pra cidade ouvir
e entre nós há promessas por cumprir
mas sei que nada vai mudar
o meu vício de ti não vai passar, não vai passar...


Mirror lyrics:

o meu vício de ti não vai passar, não vai passar...
mas sei que nada vai mudar
e entre nós há promessas por cumprir
Eu canto a sós pra cidade ouvir

Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti

será melhor deixar andar?
e não percebo porque não esmorece
o meu vício de ti não vai passar
não vou descer, não vou enfrentar
Enquanto a música não me acalmar

ali algures algo entre nós se revelou.
por inspiração passamos onde mais ninguém passou
sem receios atrai-te as minhas fontes
Levei-te à cidade, mostrei-te ruas e pontes

Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti
Não me esqueci, não antevi, não adormeci, o meu vício de ti

ao que parece o meu corpo não se esquece.
e não percebo porque não esmorece
o meu vício de ti não vai passar
não vou descer, não vou enfrentar
Enquanto a musica não me acalmar

os gatos dos vizinhos gostam de assistir.
Canto do telhado para toda a gente ouvir
é difícil não questionar.
sobre os seus propósitos
Amigos como sempre dúvidas daqui pra frente


Relevant Tags:
VVicio DDe TTi icio e i iVcio eD iT bicio xe fi bVicio xDe fTi Vbicio Dxe Tfi cicio ee 5i cVicio eDe 5Ti Vcicio Dee T5i gicio fe hi
gVicio fDe hTi Vgicio Dfe Thi ficio re yi fVicio rDe yTi Vficio Dre Tyi Viicio ce 6i Vcio cDe 6Ti Vciio Dce T6i Vjcio se gi Vjicio sDe gTi
Vijcio Dse Tgi V9cio ri V9icio D rTi Vi9cio De Tri Vlcio Ds Tii Vlicio T Vilcio Des Ti Vocio D3 Tj Voicio D3e Tji Viocio De3 Tij
Vkcio Df T9 Vkicio T9i Vikcio Def Ti9 V8cio Dr Tl V8icio Tli Vi8cio Der Til Vucio D4 To Vuicio D4e Toi Viucio De4 Tio Viccio Dd Tk
Viio Dde Tki Viico Ded Tik Vifio Dw T8 Vifcio Dwe T8i Vicfio Dew Ti8 Vixio Tu



HOME
Popular Songs:
i feel free

you make me love you

white feathers

el amigo que se fue

boom boom japan

oh, boy!

tarde o temprano

indiana

happy fathers day

more than words can say

the moon is down

le bon temps c'est quand

wenn trume sterben

azure landscapes

lori, don't go right now

asi como tu

give it all up

voima (se on mik jyll)

as long as i live

come to the father

(C) 2012 MirrorLyrics. All rights reserved. contact us